Pange@ playlist
| quadrivium | expansão da mente | Pitágoras | número no tempo | propriedades métricas de ondas sonoras

Dizem que Piágoras Pitágoras teria conseguido acalmar um homem bêbado através da simples mudança do modo melódico tocado por uma orquestra.

Os gregos utilizavam a música para a educação das crianças. Mais especificamente para agir sobre o espírito dos homens. Também a moralidade era pensada como um meio termo entre opostos, uma ''afinação'', uma harmonia da alma.

 

Propriedades da frequência de ondas sonoras  podem interferir diretamente no cérebro: 396 Hz - abertura de redes neurais, 417 Hz - quebra de ciclos negativos, 528 Hz - reparo do DNA, 639 Hz - harmonia divina, 741 Hz - alinhamento emocional, 852 Hz - conexão espiritual.